5.21.2008

21/05/2008 Arnaldo Faria de Sá e a PEC 549 de 2006

O SR. PRESIDENTE (Inocêncio Oliveira) Concedo a palavra ao ilustre Deputado Arnaldo Faria de Sá.

O SR. ARNALDO FARIA DE SÁ (PTB-SP. Sem revisão do orador.) - Sr. Presidente, quero cumprimentar a Presidência da Câmara porque definiu que nos dias 3 e 4 de junho colocará em pauta a PEC dos delegados e polícia que readquiririam a condição de carreira jurídica. Esse é o grande sonho de todos eles. Esperamos que possa ser cumprido esse efeito, até porque se abriu uma janela na questão das medidas provisórias. Lembro aos guardas civis municipais que também têm que começar o trabalho de pressão pois existe a possibilidade de votar a PEC que dá o poder de polícia aos guardas municipais. Aos agentes penitenciários também o alerta: está na hora, já que estamos concluindo a CPI do Sistema Carcerário, de pressionarem para votar a PEC que dá poder de polícia aos agentes penitenciários. Éo grande sonho de todos eles. O momento é agora, até por estarmos em ano de eleição. Lembro que na semana que vem temos a oportunidade, a comissão especial do salário mínimo, de votar aquela emenda do Senado que estende esse aumento a todos os aposentados e pensionistas, igual ao do salário mínimo, respeitando o que está escrito no Estatuto do Idoso. Obrigado, presidente Inocêncio Oliveira.

Postar um comentário