1.05.2009

30/12/2008 CNIS: Regulamentação da aposentadoria em 30 minutos exige tempo adicional

CNIS: Regulamentação da aposentadoria em 30 minutos exige tempo adicional
30/12/2008 - 17:22:00
Da Redação (Brasília) - O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) já está pronto para conceder aposentadoria por idade aos trabalhadores urbanos em apenas 30 minutos. O reconhecimento automático dos direitos, garantido com a certificação da base de dados do Cadastro Nacional de Informações Sociais (CNIS), depende agora da regulamentação da Lei Complementar 128 sancionada pelo presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, o que deve ocorrer com a publicação de um decreto no início de janeiro. A edição do decreto presidencial exigiu um tempo adicional, pois, além das normas específicas para o funcionamento da nova base do CNIS, também serão regulamentados outros dispositivos importantes para a Previdência Social. Entre eles estão os artigos da Lei Complementar 128 que criam a figura do Microempreendedor Individual (MEI) e aspectos da legislação previdenciária rural, constantes da Lei 11.718/08. A elaboração do decreto envolve os ministérios da Previdência Social, Fazenda e a Casa Civil da Presidência da República, tendo em vista a complexidade e a amplitude dos temas. A regulamentação do MEI vai garantir a inclusão previdenciária de até 10 milhões de trabalhadores que atuam em pequenos negócios informais com faturamento anual de até R$ 36 mil. Serão beneficiados brasileiros como ambulantes, manicures, costureiras, artesãos, borracheiros e pipoqueiros, entre outros. Já a Lei 11.718 cria o cadastro nacional dos segurados especiais que inclui o agricultor familiar, o pescador artesanal, o extrativista, o indígena e o quilombola. Esse é mais um tema em vias de regulamentação no mesmo decreto.
Informações à Imprensa: (61) 3317-5109/5113 ACS/MPS
Fonte:www.previdenciasocial.gov.br
Postar um comentário