8.07.2009

07/07/2009 DISQUE CAMARA

DISQUE-CÂMARA - Ouvidoria deverá centralizar demandas da sociedade
O ouvidor-geral da Câmara, deputado Mário Heringer (PDT-MG), quer aprimorar o andamento das demandas da população na Casa e transformar a Ouvidoria Parlamentar no canal privilegiado de contato dos cidadãos. Hoje, o cidadão dispõe de diversos canais para se comunicar com a Câmara, apresentando dúvidas, questionamentos, sugestões e cobranças. Os mais usados são o Disque-Câmara (0800 619 619) e o correio eletrônico dos parlamentares e das comissões. Ao centralizar as demandas sociais, Heringer espera que a Ouvidoria tenha condições de fornecer aos deputados um painel do que pensa o eleitor. “A Ouvidoria não pode se limitar a apenas ouvir a população. Tem que dar uma resposta”, disse Heringer. Boletim - Caso o projeto dê certo, o deputado pretende enviar mensalmente à Mesa Diretora e aos líderes partidários um boletim das demandas da população. “Vamos mostrar o que a população está cobrando mais”, informou Heringer, que está desde março à frente da Ouvidoria Parlamentar.
Heringer citou como exemplo a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 300/08, do deputado Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP), que transforma o salário dos policiais militares e bombeiros do Distrito Federal em piso das duas categorias nos demais estados. A proposta é o assunto mais abordado pela população nos contatos com a Ouvidoria, em geral para pedir a sua aprovação. O deputado disse que essa demanda reflete uma mobilização que não pode passar despercebida pelos deputados. “Temos assuntos que são recorrentes. As pessoas estão efetivamente mobilizadas”, disse.
Postar um comentário