12.09.2009

Brasília - Acaba de ser votado e aprovado na Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público, o PROJETO DE LEI Nº 3.655/04, de autoria do Sr. Arnaldo Faria de Sá, que "Regula o exercício da profissão de Alfaiate."


RELATOR: Deputado JOVAIR ARANTES

PARECER: pela aprovação, com substitutivo


Entretanto, tais profissionais, apesar de dedicarem uma vida inteira em favor da comodidade e do conforto de todas as classes sociais, não tiveram ainda a profissão regulada de molde a conferir-lhes direitos, a exemplo do que ocorre com outras profissões. O próprio artesanato está desaparecendo, para dar lugar à


"máquina" e aos que, nesse mesmo sentido, exploram o profissional habilitado.

O próprio aprendizado vem tendo prejuízo pela inexistência do

estabelecimento ou oficinas em condições de ministrar ensino profissionalizante.

Na dinâmica industrial do vestuário não há lugar para a formação profissional,

pois, cada pessoa sabe fazer apenas parte de peças que integram a vestimenta, sem,

entretanto, ter condições técnicas de executá-la integralmente.

O recolhimento e disciplinação do exercício da profissão virá beneficiar a

coletividade, e em especial o próprio aprendizado, capaz este de contribuir até

para a minimização do problema do menor.
Postar um comentário