7.05.2010

29/06/2010 - Arnaldo Faria de Sá recebe título de Cidadão Tremembeense e cobra votação do Veto Persidencial e da PEC 270

O SR. ARNALDO FARIA DE SÁ (PTB-SP. Pela ordem. Sem revisão do orador.) - Sr. Presidente, Sras. e Srs. Deputados, quero, com satisfação, através do Vereador Reynaldo Puggi, agradecer à Câmara Municipal de Tremembé o título de Cidadão Tremembeense que recebi no último domingo. Muito me agradou essa honraria. Sem dúvida nenhuma, é extremamente importante esse título que recebo da cidade de Tremembé. Através do Vereador Puggi, cumprimento todos os Vereadores pela homenagem que lá recebi. Sr. Presidente, quero aproveitar a oportunidade para cobrar a nossa preocupação com aquilo que está acontecendo com os aposentados e pensionistas sujeitos ao fator previdenciário. Queremos acabar novamente com o fator previdenciário. Foi vetada uma emenda à Medida Provisória nº 475, de 2009, mas o Projeto de Lei nº 3.299, de 2008, está pronto para a pauta. Queremos acabar com o fator previdenciário,pois o prejuízo para todos os trabalhadores é de em 30% a 40% do valor da sua aposentadoria, para o resto da vida. Isso para os homens. Para as mulheres o prejuízo acaba sendo pior: chega a 50%. É indigno alterar as regras do jogo durante o jogo. A pessoa que trabalhou durante tanto tempo tem prejuízo muito grande. Não podemos admitir que isso continue acontecendo. É nosso dever cobrar a votação do Projeto de Lei nº3.299 antes mesmo do recesso. Também queremos votar a PEC nº 270, de 2008, que prevê a integralidade dos proventos e a paridade para os aposentados por invalidez permanente. E lamento que a administração do INSS não tenha resolvido a questão dos médicos peritos, que estão paralisados. O prejuízo é muito grande. Já era difícil a situação do segurado. Todo mundo tem medo de ir à perícia médica. Alguns médicos peritos têm compromisso com a sua função, mas, lamentavelmente, outros são verdadeiros carniceiros: tratam mal o segurado, intimidam, fazem pouco, querem rota de fuga porque sabem o que estão fazendo. Queremos resolver, dar um jeito na perícia médica, que é vergonha nacional!Obrigado, Presidente Inocêncio Oliveira.
Postar um comentário