12.22.2010

22/12/2010 Arnaldo Faria de Sá se pronuncia sobre Aumento concedido pela Mesa Diretora da Câmara dos Deputados

Brasília - O Deputado Arnaldo Faria de Sá pronunciou-se ontem na Tribuna da Câmara dos Deputados onde publicamente manifestou seu posicionamento em relação a iniciativa da Mesa Diretora da Câmara dos Deputados, referente aos novos vencimentos.

 
Gabinete: Atendimento Previdenciário
Avenida Engenheiro George Corbisier n.º 1.127 Bairro Jabaquara 04345-001 São Paulo SP
Telefone 11.50118285 Fax 11.5011.3911 E-mail: deputadoarnaldo@hotmail.com

Brasília - Gabinete Parlamentar
Câmara dos Deputados Anexo IV Gab 929 70160-900 Brasília DF
Telefone 61.3215.5929 Fax: 3215.2929 Blogger: http://deputadoarnaldo.blogspot.com/
Site: www.deputadoarnaldofariadesa.com.br


CÂMARA DOS DEPUTADOS - DETAQ Sem supervisão  Sessão: 229.4.53.O Hora: 16:34 Fase: GE
Orador: ARNALDO FARIA DE SÁ Data: 21/12/2010

O SR. PRESIDENTE (Ilderlei Cordeiro) - Deputado Arnaldo Faria de Sá, V.Exa. tem a palavra para uma breve intervenção.
O SR. ARNALDO FARIA DE SÁ (PTB-SP. Pela ordem. Sem revisão do orador.) - Sr. Presidente, só quero deixar registrado a minha indignação com a Comissão de Orçamento que não estáconcedendo aumento para os aposentados que ganham mais de um salário mínimo e nem para o salário mínimo de apenas 540 reais. Espero que esta Casa quando votar, na sessão do Congresso, o orçamento, lembre-se de que foi aumentado o salário de todos os Parlamentares e de que temos que aumentar também o salário dos aposentados e pensionistas que estão com seus benefícios defasados há muito tempo. Essa defasagem, sim, é de 70%, 80%. Eu espero que esta Casa tenha vergonha na hora de votar essa questão do Orçamento, lembrando do que ganha um aposentado e um pensionista. Esse reajuste tem que ser de aposentado e de pensionista como se fosse de um salário mínimo para aqueles que ganham também mais de um salário. Essa é a grande reclamação. Eu espero que, na hora de votar, todo mundo tenha a mesma consciência: se tem que ganhar bem o Parlamentar, tem que ganhar melhor ainda o aposentado e o pensionista. Obrigado, Presidente.
Postar um comentário