3.14.2014

11/03/2014 Arnaldo Faria de Sá - SABESP

https://www.camara.gov.br/internet/library/imagens/BrasaoRepublica.gif
CÂMARA DOS DEPUTADOS - DETAQ
Sem redação final
Sessão: 040.4.54.O
Hora: 16:24
Fase: GE
Orador: ARNALDO FARIA DE SÁ
Data: 11/03/2014


O Sr. Arnaldo Faria de Sá- Eu queria cumprimentar o Deputado Guilherme Campos, que traz na tribuna um assunto complexo de extrema importância, até porque nós sabemos que a sua região está sendo mais prejudicada do que a capital pela manobra que a SABESP está tentando fazer.
O SR. GUILHERME CAMPOS - Exatamente.
O Sr. Arnaldo Faria de Sá - Na verdade, nós precisamos tomar cuidado. A SABESP se achava todo-poderosa, fazia contratos leoninos para poder operar o sistema de água e esgoto de várias cidades, fazendo exigências até absurdas. Algumas cidades não têm nem como fugir dos seus contratos. A SABESP tem a sua parcela de responsabilidade apurada aqui agora. Ela é culpada de parte do problema porque não teve previsibilidade e não tem a cultura de fazer coleta de esgoto e tratamento de água. Então, na verdade, o problema que V.Exa. está trazendo é grave, porque é uma briga entre irmãos: a região da Grande São Paulo contra a região de Campinas, por causa do desvio de reservatórios que deveriam atender a região de Campinas e Piracicaba para poder atender a Grande São Paulo.
Realmente o problema é grave e nós temos que apurar a responsabilidade da SABESP, que é muito maior do que se pode imaginar. Quero cumprimentar V.Exa., Deputado Guilherme Campos.
O SR. GUILHERME CAMPOS - Obrigado, Deputado Arnaldo.
Postar um comentário