1.16.2015

15/01/2015 - 14h46

Celebridades da TV, música e esporte tomam posse na Câmara em fevereiro

Alguns dos novos deputados que tomam posse na Câmara no dia 1º de fevereiro são considerados celebridades da TV, da música ou do esporte.
O cantor, compositor e ator Sérgio Reis (PRB-SP) é um deles. Aos 74 anos, Sérgio Reis tem 55 de carreira – a maior parte na musica sertaneja, mas seu sucesso começou ainda na Jovem Guarda, com o nome artístico de Johnny Johnson.
O artista pretende conciliar a agenda de shows com o mandato e diz que se elegeu deputado para retribuir o carinho do povo, que sempre o apoiou. Na Câmara, terá como bandeira a saúde, área com a qual já é envolvido, prestando apoio ao Hospital de Câncer de Barretos, outros hospitais filantrópicos e entidades sociais. "Eu acho que isso é gratificante. Acho que é minha obrigação e não faço mais do que minha obrigação", disse.
Sérgio Reis teve 45.330 votos, mas chegou à Câmara, devido às regras das eleições proporcionais, puxado por outra celebridade do mesmo partido: Celso Russomanno, que foi o mais votado em todo o Brasil, com mais de 1,5 milhão de votos. Apresentador de TV dedicado ao tema da defesa do consumidor e advogado por formação, Russomano, de 58 anos, já é conhecido da Casa, pois cumprirá seu quinto mandato de deputado federal.
Em Minas Gerais, a deputada eleita Brunny, de 25 anos, é apresentadora de um programa de televisão, o 'Brunny e Vc', transmitido pela TV Alterosa para a região de Governador Valadares. Ela foi eleita pelo PTC, com 45.381 votos. O marido de Brunny, o empresário e deputado estadual Hélio Gomes, do PSD, foi quem a incentivou a entrar para a política.
Esporte
Além de nomes da música e da televisão, São Paulo também terá entre seus representantes na Câmara nomes ligados ao esporte. Um deles é o ex-presidente do Corinthians Andrés Sanchez, eleito com 169.834 votos pelo Partido dos Trabalhadores.
Favorável a uma reforma política ampla, Sanchez diz que vai priorizar o esporte e a educação em seu mandato: “Obviamente eu vou me dedicar ao esporte, que eu acho que tem muito a fazer no Brasil. Não o futebol em si, mas o esporte em geral. Então, vou me dedicar muito a isso e à educação, até por eu não ter feito curso universitário. Acho que a educação neste País vai melhorar, e muito."
Também originário do mundo do esporte, o ex-judoca João Derly chega à Câmara para seu primeiro mandato como deputado federal, mas já com a experiência de vereador em Porto Alegre. Bicampeão mundial de judô, ele se elegeu pelo PCdoB gaúcho com 106.991 votos.
Entre os famosos, há alguns veteranos, como o palhaço Tiririca (PR-SP), reeleito com mais de 1 milhão de votos e segundo colocado em São Paulo e no Brasil. E ainda o ex-goleiro do Grêmio Darnlei (PSD-RS), também reeleito.
Outros famosos, como o cirurgião plástico Dr. Rey e o cantor Netinho de Paula, não se elegeram. O também ator Stepan Nercessian não se reelegeu, depois de cumprir mandato de 2011 a 2015.
Reportagem – Noéli Nobre
Edição – Marcos Rossi

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'Agência Câmara Notícias'
Postar um comentário